Notícias
PACOTE DE OBRAS
Reformas de UBSs avançam com Hipólito 1 e Planalto
13/05/2019 | 19h00
Reformas de UBSs avançam com Hipólito 1 e Planalto

A Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Saúde, mantém em andamento o cronograma de reformas de Unidades Básicas de Saúde (UBSs). O pacote, que, inicialmente, estabelecia reformas em dez prédios, hoje foi ampliado e contempla 14 unidades. As obras nessa quantidade têm um caráter inédito no município. “É um amplo trabalho que estamos fazendo para garantir espaços públicos com mais qualidade para o cidadão”, afirma o prefeito Mario Botion. Recursos de emendas parlamentares do deputado Miguel Lombardi estão sendo utilizados nas obras.

Cinco prédios de UBSs já tiveram a reforma concluída: Novo Horizonte, Nova Limeira, Nova Suiça, Nova Europa e Aeroporto. Outros quatro estão com obras em andamento: Graminha, Cecap, Hipólito 1 e Planalto. Essses dois últimos tiveram as reformas lançadas há pouco tempo. No caso da UBS do Parque Hipólito 1, as obras foram iniciadas no final de março; enquanto que no Planalto, os serviços começaram na semana passada.

No Hipólito 1, os serviços incluem reforma e ampliação do consultório, substituição de portas e janelas, reparo elétrico e hidráulico, ampliação da sala dos agentes comunitários de saúde, reparo do trabalho, pintura interna e externa, nova identificação visual interna e externa da unidade, acessibilidade dos espaços e climatização da recepção. O valor da obra é de R$ 298.438,04 – valor de emenda do deputado Miguel. A previsão de término da obra é final de setembro.

Com relação ao Jardim Planalto, a UBS terá ampliação da farmácia, mudança geográfica da recepção, construção de novos banheiros acessíveis, climatização da recepção, acessibilidade dos espaços, reparo elétrico e hidráulico, pintura interna e externa, nova identificação visual interna e externa da unidade, ampliação dos consultórios, substituição de portas e janelas, estacionamento para usuários e funcionários e paisagismo externo.

As obras da UBS Planalto terão um custo de R$ 544.230,46. Desse valor, R$ 450 mil são de emenda do deputado Miguel Lombardi e a diferença (R$ 94.230,46) de recursos próprios da Prefeitura. A previsão de entrega da obra é final de outubro.

 

 

 

Notícias recomendadas para você
BUSCAR NOTÍCIAS